Bibliografia

            Excelente pintor brasileiro, nasceu em Juiz de Fora, Minas Gerais, em 08 de junho de 1921.

            Foi destinguido no Salão Nacional de Belas Artes, do ano de 1949, com Menção Honrosa, e no ano de 1956 foi-lhe conferida Medalha de Prata pelos trabalhos " Pelada", "Retrato do pintor Gil" e "Paisagem".

            Em 1960 mudou-se para a cidade do Rio de Janeiro, ao sentir que precisava viver em ambiente onde existisse maior número de artistas, para que pudesse dar expansão à sua arte.

            Além de excelente pintor, Renato de Almeida tocava violão com invulgar habilidade. Mas afirmava que a música representava um momento de descanso em sua vida.

            Morreu no dia 31 de março de 1980, aos 58 anos, em consequência de um atropelamento em Juiz de Fora, onde se preparava para abrir sua exposição de pintura.

            Renato de Almeida era um autêntico representante da elite natural. Entrou na vida, exclusivamente, com os dons e o talento que Deus lhe deu. Não enterrou o talento, ao contrário, fê-lo frutificar pelo esforço continuado. Pelo estudo. Pelo devotamento à sua Arte. Viveu unicamente para ela. Realizou-se dia a dia na pintura e na sua música.

            Renato de Almeida possuía , como poucos, a intimidade das cores. Elas convivem em seus quadros, sem conflitos, sem atritos, como verdadeiras amigas.

Fotos de R.Almeida

Comentários

O que penso da Pintura

Principal

Galeria de Pinturas